METODOLOGIA

Centralidade da pessoa: Realizar projetos de desenvolvimento tendo como ponto central a pessoa significa compartilhar com ela as necessidades, o sentido da vida e comover-se pelo seu destino pessoal. Esse ponto de partida seria abstrato se a pessoa não fosse vista na sua totalidade, relação com a família, comunidade, trabalho etc.

Partir do positivo: Partir do positivo significa valorizar e fortalecer aquilo que as pessoas têm construído, pois cada tentativa de resposta a uma necessidade, por mais limitada que possa ser, representa um engajamento numa ação e um caminho para o próprio desenvolvimento.

Fazer com: Um projeto de desenvolvimento deve construir uma relação com seus beneficiários ajudando-os a serem sujeitos ativos na construção de sua trajetória.

Desenvolvimento das organizações da sociedade civil e subsidiariedade: As organizações da sociedade civil são propulsoras do crescimento de suas comunidades, pois representam a liberdade de agregação das pessoas, possuem uma leitura "de dentro" das necessidades, representando maior garantia de sustentabilidade. O apoio a essas associações por parte do poder público, respeitando a sua liberdade de atuação, é o que representa o conceito de subsidiariedade no projeto.

Parceria: É fundamental para o êxito dos projetos estabelecer uma real colaboração entre todas as entidades envolvidas, públicas e privadas, locais e internacionais, favorecendo sinergias e otimizando a utilização dos recursos disponíveis.